Reforma do Cinema Icaraí é aprovada pelo Inepac

 

Crédito: cidadedeniteroi.com

Cine Henfil recebe Mostra de Cinema e Futebol em Maricá

A Prefeitura de Maricá, por meio da Secretaria de Cultura, em parceria com o Festival de Cinema de Futebol (CineFoot), promove a Mostra de Cinema e Futebol, no Cine Henfil, de 13 de maio a 5 de junho, sempre sextas-feiras, sábados e domingos, a partir das 19h, com exibição de filmes dos quatro grandes times do Rio de Janeiro: Botafogo, Vasco, Fluminense e Flamengo. O festival tem curadoria de Antônio Leal, diretor da CineFoot, e traz 19 filmes, entre longas e curtas metragens.

“Arte, cinema e futebol só são possíveis com P de paixão, pensando nisso a Secretaria de Cultura quer brindar as torcidas com emoção de revisitar momentos que ficaram registrados no coração, momentos que vale a pena ver de novo! Na abertura do evento, vamos contar com a presença de grandes nomes que defenderam a camisa Alvinegra”, comentou o secretário de Cultura, Sady Bianchin.

Os 19 filmes, entre longas e curtas, vão mostrar o melhor dos times cariocas em quatro semanas totalmente dedicadas ao Botafogo, Vasco, Fluminense e Flamengo, tudo gratuito e com direito a muita emoção e vibração. Esse é o primeiro projeto da Secretaria de Cultura envolvendo duas paixões do brasileiro: o futebol e a sétima arte. Durante todo o ano, vão acontecer vários eventos envolvendo as linguagens artísticas e o esporte, em comemoração ao mundial que esse ano ocorre nos meses de novembro e dezembro no Catar.

Confira a programação:

Semana Botafogo:

13/05 – Barba, Cabelo & Bigode (Direção: Lucio Branco)

14/05 – Barba, Cabelo & Bigode (Direção: Lucio Branco)

15/05 – O Primeiro João (Direção: André Castelão); A Culpa é do Neymar (Direção: João Ademir); esse é o Botafogo que eu gosto (Direção: Isabella Cândido); A8 (Direção: Lucio Branco)

Semana Vasco:

20/05 – Punho Cerrado (Direção: Sergio Pugliese); Um Artilheiro no meu Coração (Direção: Mellyna Reis, Diego Trajano, Lucas Fitipaldi); O Negro Muro e a Centenária Muralha (Direção: Sergio Pugliese)

21/05 – Punho Cerrado (Direção: Sergio Pugliese); Um Artilheiro no meu Coração (Direção: Mellyna Reis, Diego Trajano, Lucas Fitipaldi); O Negro Muro e a Centenária Muralha (Direção: Sergio Pugliese)

22/05 – O Arco e as Flechas (Direção: Sergio Pugliese); Moacyr Barbosa (Direção: Emílio Domingos); Os Baixinhos Gigantes (Direção: Sergio Pugliese)

Semana Fluminense:

27/05 – Geraldinos (Direção: Pedro Asbeg e Renato Martins)

28/05 – As Mãos que Fechavam o Gol e Erguiam Troféus (Direção: Sergio Pugliese); PC Caju e Evandro Mesquita (Direção: Sergio Pugliese); O Artilheiro Paz e Amor (Direção: Eduardo Lamas)

29/05 – Geraldinos (Direção: Pedro Asbeg e Renato Martins)

Semana Flamengo:

03/06 – A Glória Eterna (Direção: Ricardo Taves e Adriano Esteves)

04/06 – A Glória Eterna (Direção: Ricardo Taves e Adriano Esteves)

05/06 – Na Varanda dos Coimbra (Direção: Sergio Pugliese); Catarse (Direção: Daniel Brunet); O Lateral que Levanta a Nação (Direção: Sergio Pugliese)

Serviço:
Mostra de Cinema e Futebol
Horário: 19h
Data: 13/05 a 05/06 (sempre sextas, sábados e domingos)
Local: Cine Henfil, Rua Alferes Gomes, 390 – Centro, Maricá

Prefeitura de Maricá exibe “Marighella” de graça para população

A Prefeitura de Maricá exibirá o filme “Marighella”, no próximo dia 07/12, com duas sessões gratuitas no Cine Henfil e uma no Condomínio Residencial Carlos Marighella, Minha Casa Minha Vida de Itaipuaçu, que leva o nome do guerrilheiro que lutou contra a ditadura militar para restabelecer a democracia. A iniciativa é parte da programação da Semana dos Direitos Humanos, que acontece de 7 a 12 de dezembro, com palestras, shows, entre outras atividades organizadas pela Secretaria de Participação Popular, Direitos Humanos e Mulher.

Esta será a primeira vez que o Cine Henfil exibirá um longa-metragem desde a sua inauguração, no dia 14 de agosto de 2020. Em todo esse período, as atividades no espaço ficaram suspensas devido à pandemia da Covid-19 e somente filmes de curta-metragem chegaram a ser exibidos.

A primeira sessão do filme, às 14h, será seguida de debate no Cine Henfil com a participação do prefeito Fabiano Horta e de três atores que fazem parte do elenco, Bella Camero, Pastor Henrique Vieira e Jorge Paz. Com classificação etária de 16 anos, as exibições terão controle de público, seguindo os protocolos de segurança da Covid-19.

“Esse filme é muito importante, principalmente no residencial Marighella, para que as pessoas conheçam a história do personagem que deu nome ao condomínio. Essas sessões carregam um grande simbolismo. Hoje nós vivemos em um momento conturbado na democracia, por isso é importante refletirmos sobre os acontecimentos, sobre violações aos direitos humanos para que a gente entenda o papel de cada um na sociedade”, afirmou João Carlos de Lima, secretário de Participação Popular, Direitos Humanos e Mulher.

 

Sinopse de Marighella

Comandando um grupo de jovens guerrilheiros, Marighella tenta divulgar sua luta contra a ditadura para o povo brasileiro, mas a censura descredita a revolução. Seu principal opositor é Lúcio, policial que o rotula como inimigo público. O ator e cantor Seu Jorge interpreta Marighella. Direção: Wagner Moura.

 

Serviço

Exibição do filme Marighella no Cine Henfil

Data: 07/12/21

Sessões às 14h e às 19h

Endereço: Rua Alferes Gomes, 390, Centro

 

Condomínio Residencial Carlos Marighella

Sessão às 19h

Classificação etária: 16 anos

 

Entrada gratuita com controle de acesso do público seguindo todos os protocolos de segurança contra a Covid-19.

Prefeitura do Rio autoriza capacidade máxima em cinemas, teatros, shoppings e museus

A Prefeitura do Rio libera 100% de ocupação da capacidade máxima em espaços como cinemas, teatros, shoppings e museus, sem necessidade de distanciamento de um metro entre uma pessoa e outra.

O uso de máscara obrigatório está mantido.

Estádios de futebol ainda não estão inclusos no decreto. A Secretaria Municipal de Saúde prevê liberar a capacidade máxima nesses espaços quando 65% de toda a população da capital fluminense estiver com o esquema vacinal completo. Máscaras em ambientes abertos também vão deixar de ser obrigatórias.

 

Crédito: https://bandnewsfmrio.com.br/

Prefeitura de Maricá assina contrato do projeto de streaming ‘Maricá Filmes’

A Prefeitura de Maricá, por meio da Secretaria de Cultura e do Instituto de Ciência, Tecnologia e Inovação de Maricá (ICTIM), realizou na última quinta-feira (23) a solenidade de assinatura simbólica do contrato para o desenvolvimento de uma solução audiovisual streaming, o projeto ‘Maricá Filmes’. A solenidade aconteceu no Cine Teatro Municipal Henfil, no Centro, e foi transmitida pelas redes sociais da Prefeitura.

Presente à cerimônia, o ator e diretor Antônio Pitanga afirmou que já conhece Maricá e está sendo um grande prazer gravar cenas do filme ‘Malês’ no município. “É uma honra poder participar da assinatura simbólica do contrato para o desenvolvimento do ‘Maricá Filmes’, além de ter a oportunidade de gravar o filme Malês aqui em Maricá. Aqui temos um conjunto arquitetônico que pode acrescentar uma característica única aos cenários no filme”, frisou o diretor.

O secretário de Cultura, Sady Bianchin, contou que o objetivo do ‘Maricá Filmes’ é incentivar a produção de filmes locais, aproveitando as belezas naturais da cidade como cenário.

“É uma cidade governada com responsabilidade social e um cenário rico em belezas naturais como praias, lagoas, montanhas, serras, restingas e fazendas históricas. A plataforma de streaming trará múltiplos benefícios para o nosso município, inclusive com o crescimento da atividade econômica”, explicou o secretário de Cultura.

“O desenvolvimento do canal de streaming garante mais uma vez o protagonismo e a excelência de Maricá em buscar soluções inovadoras. Esse projeto irá gerar empregos, movimentar a economia e proporcionar aos moradores maricaenses uma capacitação profissional com cursos”, disse o diretor-presidente do Instituto de Ciência, Tecnologia e Inovação de Maricá (ICTIM), Celso Pansera.

A assinatura simbólica do contrato para o desenvolvimento de solução audiovisual streaming contou com a presença do produtor e cineasta Flávio Tambellini; dos vereadores Andrea Cunha e Haddesh; do secretário de Desenvolvimento Econômico, Comércio, Indústria, Petróleo e Portos, Igor Sardinha; do secretário de Agricultura, Pecuária e Pesca, Julio Carolino; do presidente da Companhia de Desenvolvimento de Maricá, Olavo Noleto; do representante do Instituto Darcy Ribeiro (IDR), Alan Novaes; do diretor de fotografia Pedro Farkas e de parte do elenco do filme Malês.

Mais sobre o streaming Maricá Filmes

O Maricá Filmes é uma plataforma de streaming, ou seja, é uma forma de distribuição digital, em oposição à descarga de dados. A difusão de dados, geralmente em uma rede através de pacotes, é frequentemente utilizada para distribuir conteúdo multimídia através da internet. Desta forma, as informações não são armazenadas pelo usuário em seu próprio computador. O objetivo da plataforma é a produção e distribuição de obras audiovisuais que vão resultar em processos socioculturais significativos para a pesquisa e a formação das novas gerações.

Filme Malês

O longa abordará a revolta de escravizados muçulmanos, de origem hauçá e nagô, ocorrida em 1835, na Bahia. Malês será rodado em Salvador (BA), Cachoeira (BA) e Maricá (RJ) e conta a história de Kalima e Dassalu, jovens da aristocracia do Reino de Òyó, na África, de 1833. Em plena cerimônia de casamento, eles são capturados, separados e vendidos como escravos para o Brasil.