Engenheiro da Casa da Moeda é preso acusado de estupro em Niterói

A Polícia Civil, por meio da Delegacia da Criança e do Adolescente Vítima, prendeu um engenheiro da Casa da Moeda, acusado de estupro.

Frank Souza Hoffmann, de 63 anos, foi localizado em casa, em Niterói, na Região Metropolitana do Rio. No local, os agentes encontraram um cômodo chamado por ele de “quarto da Disney”. No local há vários personagens e brinquedos que serviam para atrair as possíveis vítimas.

Uma das que foram identificadas foi estuprada quando tinha 13 anos de idade até os 14 anos, sendo que o engenheiro admitiu os atos sexuais. Ele alegou, no entanto, que seria apaixonado pelo menor e que os atos seriam consensuais, bem como teriam ocorrido em diversas viagens feitas no exterior.

Foram apreendidos diversos eletrônicos que serão analisados pela perícia em busca de outras provas e possível identificação de outras vítimas, além de dezenas de brinquedos importados que serão destinados, após autorização judicial, para compor a brinquedoteca da DCAV.

Frank foi denunciado por estupro de vulnerável e estupro, e será encaminhado ao sistema prisional, ficando à disposição do juízo da 1ª Vara Criminal de Niterói que expediu as ordens judiciais.

 

Crédito: Band News

Após ser estuprada pelo tio, menina de 11 anos é morta com 20 facadas no Amazonas

Uma menina de 11 anos morreu com cerca de 20 facadas logo após ser estuprada dentro de casa em Eirunepé (AM), a 1.160 quilômetros de Manaus, na última quarta-feira (17). Segundo a Polícia Civil do Amazonas, o autor do crime, tio da criança, tentou se matar com três golpes de faca contra o peito. O homem de 28 anos morava com a vítima e a mãe dela.

Ele e a menina foram encontrados por vizinhos que ouviram os gritos e foram socorridos, mas a menina não resistiu aos ferimentos e morreu. O autor encontra-se num hospital, onde é mantido sob custódia. O caso foi registrado na Delegacia Especializada de Polícia (DEP) como estupro de vulnerável e feminicídio.

De acordo com Gonzaga Rezende, gestor da DEP, o crime ocorreu por volta das 11h30, investigadores constataram que os abusos sexuais já vinham sendo praticado há algum tempo.

“Durante o ato libidinoso, a adolescente ameaçou denunciar aos familiares, momento em que foi atingida por um golpe de faca no pescoço e 20 em outras partes do corpo. Após cometer o crime, o homem tentou contra a própria vida, desferindo três golpes de faca contra o próprio peito”, disse Gonzaga, em comunicado. “Duas vizinhas ouviram os gritos da adolescente no momento em que ocorreu o crime de feminicídio, momentos depois, ouviram os gritos do autor ao desferir as facadas contra o próprio peito, e, ao entrarem no imóvel, presenciaram o fato”.

Ao receber alta, o preso será encaminhado para a carceragem da delegacia, onde permanecerá custodiado à disposição do Poder Judiciário.

 

Crédito: extra.globo.com

Homem estupra vizinha na frente das filhas dela horas depois de se casar em Governador Valares, Minas Gerais

Um homem de 38 está foragido após estuprar a própria vizinha na madrugada do último domingo (14), em Governador Valadares, Minas Gerais. O crime aconteceu horas depois de o suspeito ter se casado com outra mulher.

De acordo com informações do jornal Estado de Minas, a esposa do criminoso contou à polícia que o casal havia se casado no civil no sábado (13) e faria a cerimônia religiosa no próprio domingo.

Também aos agentes, a vítima de 23 anos relatou que estava em casa quando, por volta das 2 horas, foi surpreendida pelo rapaz em sua área de serviço. Ele empunhou uma faca que estava no local e exigiu o telefone celular da jovem, que o entregou.

O suspeito, então, disse que mataria a moça e suas duas filhas de 2 e 4 anos. Ele a levou para a sala e deu início ao estupro. “Vou me casar e essa vai ser minha despedida”, teria dito.

Durante a execução do crime, o homem consumiu um pino de cocaína e invadiu o quarto das crianças, nu, afirmando que as mataria.

A mulher conseguiu contatar a Polícia Militar e fazer a denúncia. Ela também relatou o ocorrido à sua mãe, que, ao ouvir as características do criminoso, suspeitou de um vizinho.

Polícia localiza esposa do suspeito

Na residência apontada pela mulher, os agentes encontraram a esposa do suspeito. Ele confirmou a informação sobre o casamento e informou que o marido havia desaparecido após a cerimônia no civil.

O rapaz chegou a retornar à casa pela manhã no domingo, mas disse que sairia para comprar leite e não voltou mais. Ele segue foragido.

Já a vítima foi levada ao Hospital Municipal de Governador Valadares e passou por atendimento médico. Liberada, entregou à polícia a faca e uma toalha usadas pelo homem, além do pino com restos de cocaína.

 

 

Crédito: br.noticias.yahoo.com

Homem é preso em Tanguá acusado de abusar da própria filha de 12 anos

Policiais civis da Delegacia da Criança e do Adolescente Vítima (DCAV) prenderam, nesta quarta-feira (20/10), um homem, de 31 anos, acusado de abusar da própria filha, de 12 anos. Ele foi localizado no município de Tanguá, Região Metropolitana do Rio, onde foi cumprido mandado de prisão preventiva por estupro de vulnerável.

O crime foi cometido em agosto deste ano, na comunidade da Mangueira, na Zona Norte. O inquérito foi relatado pela unidade especializada, com o autor tendo sido denunciado pelo Ministério Público. O criminoso era procurado pelos agentes da DCAV desde então.

Ele foi encaminhado ao sistema prisional, onde ficará à disposição da Justiça.

 

 

Crédito: www.saogoncalo.com.br

Homem é preso suspeito de estuprar enteada de 13 anos em Silva Jardim

Um homem foi preso na última quarta-feira (28), em casa, no bairro Caxito, em Silva Jardim, suspeito de estuprar a enteada entre os anos de 2018 e 2019, quando ela tinha apenas 13 anos. Segundo as investigações, ele amarrava a menina para cometer o crime. O acusado foi levado para 120ª Delegacia de Polícia de Silva Jardim.

De acordo com as investigações, tudo acontecia quando a mãe da criança, sua companheira, saía de casa para fazer um tratamento médico e o deixava em casa com os enteados. As investigações teriam revelado que o suspeito amarrava a menina pelos punhos e tornozelos para cometer o crime, enquanto os irmãos mais novos da vítima brincavam no quintal.

Ainda conforme a Polícia Civil, para evitar que a vítima denunciasse os abusos, o homem a ameaçava de morte, mas a família tomou conhecimento do caso e procurou a polícia. O homem foi preso em cumprimento a um mandado de prisão e levado para a 120ª Delegacia Polícia de Silva Jardim.

 

Fonte: Informa RJ