Itaboraí participa de seminário sobre o programa “Cidades, Salvem Seus Rios”

às
FOTO PARA SITE MODELO (21)

A Prefeitura de Itaboraí, por meio das secretarias municipais de Meio Ambiente e Urbanismo (SEMAU), Agricultura (SEMAGRI) e de Desenvolvimento Econômico, participou do seminário sobre o programa “Cidades, Salvem Seus Rios”, nesta quarta-feira (27/09), no Parque da Cidade, em Cachoeiras de Macacu.

O evento foi realizado por meio de uma parceria entre a organização idealizadora do programa, Planetapontocom, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Serviços (SEDEICS), o Consórcio Intermunicipal de Desenvolvimento do Leste Fluminense (Conleste) e a Prefeitura de Cachoeiras de Macacu.

O principal objetivo do encontro foi apresentar o projeto “Cidades, Salvem Seus Rios”, desenvolvido pela organização Planetapontocom, para os municípios de Itaboraí, Cachoeiras de Macacu, Magé e Rio Bonito, além de avaliar a possibilidade de adesão da iniciativa nas cidades. Criado em 2016, o programa tem o objetivo de mobilizar estudantes da rede municipal de ensino a conhecerem o rio mais próximo de sua escola, possibilitando e favorecendo, de forma interdisciplinar, a articulação dos conteúdos curriculares, além de promover conscientização para os estudantes sobre os cuidados com o meio ambiente.

Vigente nos municípios do Rio de Janeiro e de Itabira, o programa consiste em ações educativas durante dois anos letivos, que visam conscientizar os participantes sobre suas responsabilidades, tornando-os protagonistas da transformação do seu território e da preservação do patrimônio ambiental.

O secretário municipal de Meio Ambiente e Urbanismo, Jhonatan Ferrarez, afirmou que a iniciativa é de fundamental importância para a limpeza dos rios e que avalia a possibilidade do município aderir ao programa “Cidades, Salvem Seus Rios” nos próximos meses.

“O encontro foi muito positivo para a apresentação desse problema desenvolvido de forma brilhante pela equipe do Planetapontocom. Iniciativas como essa são fundamentais para a preservação dos rios que cortam o nosso município e junto da nossa equipe técnica iremos avaliar a possibilidade de adesão do programa em Itaboraí”, disse o secretário.

Entre os princípios pedagógicos que norteiam o projeto, estão a problematização; a interdisciplinaridade; a contextualização; a pesquisa e trabalho; a autonomia; o protagonismo; a interação; a inclusão e o multiletramento.

Entre as participantes do seminário estiveram a subsecretária estadual de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Serviços (SEDEICS), Marina Esteves, o secretário municipal de Agricultura de Itaboraí, Abílio Pereira, além de representantes da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico de Itaboraí e servidores das secretarias municipais de Meio Ambiente de Magé, Rio Bonito e Cachoeiras de Macacu.

Veja também

Crime ocorreu enquanto a vítima viajava junto com o marido dela pelo continente asiático, segundo a embaixada do Brasil em Nova Déli.
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Últimas Notícias