Segundo grupo de brasileiros e parentes palestinos retirados de Gaza chega ao Brasil

48 pessoas desembarcaram da aeronave — a maioria palestinos parentes de brasileiros que já foram repatriados.
às
fab q1
Segundo grupo de brasileiros e parentes palestinos retirados de Gaza chega ao Brasil — Foto: GovBR/FAB

O segundo grupo de brasileiros e parentes palestinos retirados da Faixa de Gaza pelo Itamaraty chegou ao Brasil na madrugada desta segunda-feira (11). Portanto o total, 48 pessoas foram retiradas do território que é cenário de uma guerra entre Israel e o grupo terrorista Hamas.

O avião da Força Aérea Brasileira (FAB) que os trouxe pousou em Brasília pouco antes das 4h da manhã (horário local), após um voo sem escalas que partiu de Cairo, no Egito, na noite de domingo (10).

O grupo conseguiu deixar a Faixa de Gaza na manhã de sábado (9), pela fronteira de Rafah, situada na divisa entre o sul do território palestino e o nordeste do Egito. De lá, eles foram levados até a capital egípcia e, então, foram trazidos para o Brasil.

O primeiro grupo resgatado pelo Itamaraty tinha 32 pessoas e chegou ao Brasil em 13 de novembro.

O embaixador do Brasil na Palestina, Alessandro Candeas, disse ao g1 que o grupo resgatado tem mais palestinos que brasileiros, já que muitos são parentes de pessoas que deixaram o território na primeira ocasião. São 37 palestinos e 11 binacionais brasileiro-palestinos.

Brasileiros retirados de Gaza

O grupo conta com 27 crianças e adolescentes, 17 mulheres, duas delas idosas, e quatro homens adultos.
Brasileiros e palestinos que Itamaraty retirou da Faixa de Gaza embarcam em avião da Força Aérea Brasileira (FAB) no aeroporto do Cairo, no Egito, para o Brasil, em 10 de dezembro de 2023. — Foto: Ministério das Relações Exteriores/ divulgação

O grupo conta com 27 crianças e adolescentes, 17 mulheres, duas delas idosas, e quatro homens adultos.

Inicialmente, o Brasil apresentou uma lista solicitando o resgate de 102 pessoas neste segundo grupo. No entanto, 24 nomes foram vetados por Israel e Egito — os dois países revistam e autorizam quem pode ou não sair da Faixa de Gaza.

Até a última atualização desta reportagem, o governo brasileiro não havia informado os motivos para vetar os 24 nomes. Deles, sete têm cidadania brasileira.

O grupo passará pelo menos dois dias em Brasília antes de seguir para abrigos ou para a casa de parentes. Então O governo fornecerá alimentação, apoio médico e psicológico para os repatriados. Quem precisar terá a carteira de vacinação atualizada.

Fonte: g1.globo.com

Veja também: Venezuela e Guiana: O que o Brasil tem a ver com essa guerra? e nos acompanhe nas Redes sociais.

Veja também

Crime ocorreu enquanto a vítima viajava junto com o marido dela pelo continente asiático, segundo a embaixada do Brasil em Nova Déli.
às

Deixe aqui sua opinião

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
trackback

[…] também: Segundo grupo de brasileiros e parentes palestinos retirados de Gaza chega ao Brasil e nos acompanhe nas Redes […]

Últimas Notícias