Prefeitura de Niterói vai realizar concurso público para ampliar efetivo da Guarda Municipal em 2023

A Prefeitura de Niterói vai realizar, em 2023, concurso público para completar o efetivo de mil agentes da Guarda Municipal. A Câmara aprovou projeto de lei da Prefeitura que autorizou a contratação de mais 286 guardas municipais para a corporação chegar a mil agentes. Esse é o limite máximo permitido pela Constituição para um município com o tamanho de Niterói. A Prefeitura tem atualmente 212 aprovados no concurso mais recente para o preenchimento de vagas na Guarda Municipal. Os aprovados serão convocados ao longo deste segundo semestre e o concurso do ano que vem será realizado para preencher as vagas restantes.

O prefeito de Niterói destacou que o aumento do efetivo da Guarda demonstra que o Município não vai abrir mão de atuar ativamente na área da segurança pública. Em pronunciamento pelas redes sociais da Prefeitura, Axel Grael atestou que a segurança é prioridade em Niterói.

“A Guarda Municipal é regida por legislação federal que estabelece o limite do número de guardas por município. Niterói está limitado a mil. Então, solicitamos autorização à Câmara de Vereadores para chamar profissionais que passaram no último concurso para compor esse efetivo. Tivemos a autorização para a contratação de 286 novos guardas. Isso é muito importante para a questão da segurança pública e do ordenamento da cidade. A questão da segurança pública sempre foi prioridade de Niterói. Apesar de a Prefeitura não ter a responsabilidade de outras instâncias de governo, nunca abrimos mão de fazer o necessário para garantir a segurança da população de Niterói”, afirmou Axel Grael.

Desde 2013, a valorização da Guarda Municipal é questão prioritária da Prefeitura de Niterói. O efetivo passou de 300 para 714 e, agora, com a iniciativa do Poder Executivo, esse número chega a mil. Em apoio às forças de segurança, a Prefeitura de Niterói criou o Centro Integrado de Segurança Pública (Cisp), que possui cerca de 500 câmeras na cidade, que são monitoradas 24 horas por dia por agentes da Guarda Municipal e permitem a realização de ações integradas com as forças policiais. A Prefeitura também criou um Plano de Cargos e Salários para os guardas municipais.

O secretário municipal de Ordem Pública, Paulo Henrique de Moraes, ressaltou a importância do concurso que será realizado no próximo ano. “Vamos fazer esse concurso para complementar os cargos vagos. Nossas demandas cresceram muito. Na pandemia, a gente experimentou um período de muita atividade e não podemos deixar que os avanços se percam. Por isso, temos investido muito. Os próximos anos serão de ampliação do trabalho e dos resultados para a população. Em relação ao último concurso, temos 212 aprovados. Todos serão convocados. Haverá turmas sucessivas de formação, já a partir de agosto”, explicou o secretário de Ordem Pública.

 

 

Crédito: Prefeitura de Niterói

Guarda Municipal de Maricá participa de Congresso Nacional no Rio Grande do Norte

De 13 a 15 de julho, agentes da Guarda Municipal de Maricá participaram do XXX Congresso Nacional das Guardas Municipais, realizado em Natal, no Rio Grande do Norte. Os agentes adquiriram conhecimentos sobre as atuais diretrizes da categoria no evento que reuniu autoridades, sociedade civil e guardas municipais de vários estados. Foram debatidos temas como novas tecnologias na Segurança Pública, a aplicação da Lei Federal 13.022/14 – que institui normas gerais para a GM –, além de temas sociais, como a atuação das mulheres na Guarda e o papel da Patrulha Maria da Penha.

O comandante da Guarda Municipal de Maricá, Jean Carlos Medeiros, ressaltou a troca de experiência entre as Guardas Municipais de todo o país. “A participação no congresso visou inteirar das novidades da atuação da corporação de todo Brasil. Lá conseguimos debater, trocar experiências e aprender sobre planejamento e participação da instituição em seus respectivos municípios. Refletimos sobre o que está dando certo no Brasil e fora e as soluções para problemáticas comuns”, comentou.

Além do comandante da GM de Maricá, também participaram outros dois integrantes da corporação: Crislane Barroso e Amaury Nascimento. De acordo com Jean, os agentes apontaram como principais pontos positivos do congresso a possibilidade de conhecer os trabalhos de corporações de outros estados e de interagir com guardas de diferentes locais do país, com culturas diferentes.

“Maricá tem muito a acrescentar de conhecimento e políticas públicas que dão certo, representar a Guarda Municipal de nossa cidade num evento deste só reafirma essa grandeza e responsabilidade”, finalizou o comandante.

 

Guarda Municipal de Niterói prende acusado de roubo a bancas de jornais; Veja o vídeo

Integrantes da Coordenadoria de Ações Táticas (CAT) da Guarda Municipal de Niterói prenderam um homem, que era procurado pela polícia por ser o suspeito pelo arrombamento e roubo a várias bancas de jornais na cidade. Policiais da 77ª DP (Icaraí) e 76ª DP (Centro) já haviam recebido denúncias feitas pelos donos dos estabelecimentos e estavam investigando os roubos.

Os proprietários das bancas tinham disponibilizado para os investigadores imagens da ação do suspeito, que chegava a utilizar um pé de cabra para arrombar os locais e roubá-los. Segundo a Guarda Municipal, os agentes já haviam sido alertados e tinham uma descrição do acusado.

A prisão aconteceu durante patrulhamento de rotina na Rua Heitor Carrilho, no Centro, no fim da noite da última sexta-feira (24). A equipe do CAT estava realizando uma abordagem de rotina quando identificou o suspeito, que tinha acabado de furtar uma banca de jornais no bairro de Santa Rosa. Ele estava de posse de diversos objetos e não soube informar a procedência. Ele foi encaminhado para a 76ª DP e, posteriormente, conduzido para a 77ª DP, onde havia vários registros de furto a banca de jornais.

“Durante o patrulhamento de rotina, nossas equipes sempre fazem abordagens diferenciadas quando notam algo suspeito. Os agentes desconfiaram do homem e da mercadoria que estava em sua posse. Na delegacia constatamos a participação dele no roubo e a polícia vai continuar investigando, inclusive sobre a possibilidade dele ter agido com comparsas”, explicou o inspetor Paulo Brito, coordenador da Guarda Municipal.

 

Crédito: O São Gonçalo

Guarda Municipal e Polícia Militar realizam ações integradas na área de segurança

A Guarda Civil Municipal e a Polícia Militar estão atuando de forma conjunta para ampliar a segurança na cidade. Esse trabalho unificado das forças de segurança faz parte da Coordenadoria do Programa Estadual de Integração na Segurança (CPROEIS), que vem sendo implementadas pela Secretaria de Segurança e Ordem Pública. Para implantar o programa, foram realizados estudos técnicos e mapeamento de toda a cidade, com a utilização de drones, e levantamento das áreas sensíveis do município para otimizar a redistribuição do policiamento e também a sinalização viária para redução dos índices de criminalidade e redução dos acidentes de trânsito de forma a dar maior mobilidade urbana aos moradores locais. Serão realizadas instalações de sinais de trânsito e pinturas de faixas de pedestres e outras sinalizações após o recapeamento asfáltico no município, que está em andamento.

Além do trabalho integrado, outras ações também ganham destaque, como a implementação da “Operação Sossego”, com o objetivo de reduzir a poluição sonora e as infrações relativas ao trânsito; Palestras de conscientização nas escolas, visando mais segurança para os alunos e funcionários; Rondas realizadas nas principais Unidades de Saúde da cidade, como Hospital Regional Darci Vargas (HRDV), ESFS, UPA, Loyola, Esperanção e unidades do interior.

Também fazem parte do programa, palestras de qualificação para os agentes da GCM , como “Cetran em Trânsito”, curso para melhor Atuação e Fiscalização para um Trânsito mais humanizado , realizada no Detran-RJ, de forma a qualificar os agentes para atualização do CTB, Direção Defensiva, Conscientização e Segurança no trânsito, Cursos especializados em intervenções e conflitos e Resgate de acidentes , “Especializações ministraras pelo GOE, atuação na prevenção de violência contra mulher prevista na lei 11.340 Maria da Penha.

“As ações estão sendo coordenadas com o objetivo de dar mais cobertura ao município e as atividades das equipes acontecem por diversos locais. É gratificante saber que o trabalho está dando resultado, assim quem ganha é o município”, garante o secretário de Segurança e Ordem Pública, Rogério Góes.

Guardas civis de Rio Bonito são homenageados na Câmara de Vereadores por salvar a vida de uma senhora

Quando a vida de uma pessoa é salva, nem sempre esses heróis são lembrados, mas isso não foi o que aconteceu dessa vez. Dois guardas civis de Rio Bonito, salvaram a vida de uma moradora de Tomascar, no dia 27 de março, que estava engasgada com um alimento. Na sessão da última terça-feira (19) os guardas Wagner Lisboa Marcucci e Rodrigo Pereira da Silva receberam uma Moção de Aplausos do vereador de Rio Bonito, Alex da Guarda, na Câmara de Vereadores, pelo socorro prestado.

O socorro

A dona de casa Sirléia, de 65 anos, havia se engasgado com um alimento. Os guardas foram chamados e realizaram a manobra de Heimlich, uma técnica de primeiros socorros utilizada em casos de emergência por asfixia, quando algum tipo de corpo fica entalado nas vias respiratórias.

Orgulho e reconhecimento

Orgulhoso da categoria que faz parte, o vereador e também guarda civil municipal, Alex da Guarda, conta que sua intenção é que não só os guardas, mas todos os funcionários que estejam realizando um bom trabalho em suas funções, sejam vistos e reconhecidos pelo seu desempenho.

“Meu objetivo é homenagear não só os guardas, mas todos os funcionários, sejam eles municipais, estaduais, e até mesmo federais, que estiverem realizando um bom trabalho dentro do nosso município, ou seja, cada vez que eu tiver o conhecimento que um professor, que um gari, que um zelador, seja de qualquer cargo, esteja prestando um bom trabalho e que tenha feito algo de notoriedade, dentro da sua função, eu quero estar homenageando até mesmo para mostrar para os servidores em geral que eles não estão esquecidos, tendo em vista que eu sou um servidor e por muitas vezes me senti esquecido”, enfatizou o vereador.

 

 

Lívia Louzada