Moradores de São Gonçalo reclamam dos Correios

O alto número de roubo de carga é o motivo para a interrupção da entrega dos Correios em São Gonçalo. Muitos moradores reclamam que não recebem as encomendas em sua residência e precisam ir até às Agências para buscá-las.

De acordo com Instituto de Segurança Pública (ISP) o número de roubo de carga em São Gonçalo, apresenta uma queda. Em abril deste ano, comparado com abril de 2018, a queda foi de 28%. E uma queda de 24% de janeiro a abril deste ano, comparado com o mesmo período em 2018.

A manicure Lucinete Campos, moradora do bairro do Rocha, disse que paga por um serviço que não é prestado.

“Eu moro em uma rua principal. É uma coisa que atrapalha muita gente. Nós pagamos e não temos o serviço. As contas chegam direitinho, mas encomendas grandes que deveriam ser entregues com o carro do Sedex, não chegam”, relata.

O professor Paulo Augusto Medeiros, morador do bairro Colubandê disse que há um ano não recebe os produtos em sua residência. “Eu moro pertinho da Agência dos Correios, mas tenho que ir até lá buscar. E quando chego é sempre uma fila grande. Reclamação de todos os lugares”.

Os Correios informaram em nota que isso é uma medida temporária para garantir a segurança dos funcionários por conta de assaltos.

A Polícia Militar informou que está se esforçando para aumentar a segurança.

Ação leva exames e óculos gratuitos para população gonçalense

Cerca de mil gonçalenses estão sendo atendidos pela Cruz Vermelha Brasileira São Gonçalo em parceria com a Organização Não Governamental Renovatio. O trabalho da instituição chega a cidade de São Gonçalo pela segunda vez e com uma grande novidade: um contêiner dotado de consultórios e equipamentos capazes de detectar o grau e o tipo de problema visual do paciente.

De acordo com o diretor da Renovatio, Pedro Ivo de Souza o trabalho iniciado ainda nos bancos das universidades se expandiu e é capaz de conferir a saúde ocular completa.
“Começamos querendo diminuir a evasão escolar e descobrimos que as crianças tinham muita dificuldade de enxergar por não possuírem óculos ou sequer terem acesso ao oftalmologista. O projeto foi ampliado e já visitamos mais de 20 estados brasileiros e doamos mais de 45 mil óculos. Temos muitos parceiros, são empresas que contribuem e doam os óculos. A cada óculos vendido, um é doado. É tudo bem rápido, o paciente chega e é capaz de realizar uma série de exames, alguns raramente encontraria na rede pública de saúde com facilidade, após esses exames fazemos o óculos e ele vai pra casa com a nova visão “, explicou, acrescentando que a instituição atende gente de todas as idades.
A Renovatio resolveu inaugurar em São Gonçalo sua nova unidade volante, dentro do contêiner estão três consultórios e uma ótica.
“Essa parceria com a a Cruz Vermelha em São Gonçalo nos mostrou o tamanho da necessidade da população local. Mais de um milhão de pessoas e muita carência. Trabalhamos muito em cidades com baixo Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), como é o caso aqui. Em.dois dias vamos atender cerca de mil pessoas e já estamos discutindo a ampliação da parceria para estabelecermos um atendimento regular. A Cruz Vermelha Brasileira São Gonçalo realiza um trabalho sério e muito respeitado na cidade”.
Um dos responsáveis pela Cruz Vermelha na cidade, André Emerick, demonstrou a satisfação de trazer o projeto para atender a cidade pela segunda vez.
“É uma super estrutura que se junta aos nossos consultórios para a realização das consultas com oftalmologistas e outros profissionais a fim de garantir que essas mil pessoas atendidas saiam daqui com o exame de vista feito na hora em equipamentos de ponta, capazes de detectar problemas diversos de visão e ainda saindo daqui com óculos no rosto, podendo enxergar não apenas o caminho, mas um futuro melhor. A parceria é muito positiva e foi muito bem aceita pela população. Em poucas horas as senhas foram distribuídas e conseguimos organizar o atendimento com.hora marcada. É um prazer para a Cruz Vermelha em São Gonçalo realizar mais este projeto e atender tanta gente necessitada” , disse André Emerick, acrescentando que dezenas de voluntários se uniram para garantir a organização e o atendimento.
Os moradores da cidade também aprovaram a iniciativa.
“Estava precisando de óculos, mas antes sabia que tinha que fazer os exames para saber exatamente o que tem me incomodado na vista, que está constantemente irritada. O problema não é grave e o óculos vai ajudar a resolver”, declarou a dona de casa, Maria Alves, de 48 anos que saiu emocionada após a consulta e já com o óculos.
Outro atendido pelo projeto Ver Bem foi o aposentado Ademir Pereira, de 73 anos. Morador do Porto Novo saiu satisfeito da sede da Cruz Vermelha.
“Vi a faixa informando do trabalho que seria realizado, peguei minha senha e hoje fui atendido por ótimos profissionais. Estava precisando trocar o óculos, mas principalmente fazer exames bem específicos que detectam problemas maiores e são mais difíceis de conseguir fazer”, declarou.

Dia D de vacinação contra a Gripe acontece neste sábado em São Gonçalo

Há 20 dias realizando a 21ª Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza, a Secretaria Municipal de Saúde de São Gonçalo promove, no próximo sábado (4), o Dia D contra a gripe. O objetivo é alertar e conscientizar a população sobre a importância da imunização. Até o momento, 22 mil pessoas foram imunizadas na cidade, sendo em sua maioria os idosos, que somam 13 mil. Com 73 unidades de saúde com salas de vacinação abertas de 9h às 16h30, a expectativa é atender cerca de 194.329 pessoas, o equivalente a 90% do público-alvo.
Segundo o secretário de Saúde, Jefferson Antunes, após a aplicação, a vacina da gripe leva de duas a três semanas para surtir efeito. “Esse é o tempo que o corpo precisa para, a partir da vacinação, produzir uma boa dose de anticorpos contra o vírus influenza antes do inverno chegar, quando aumenta o número de casos de pessoas com a doença. É importante que a população esteja atenta à necessidade de se prevenir. No sábado, vamos ampliar os esforços para garantir uma maior proteção. O quanto antes as pessoas se vacinarem, melhor e mais protegidas estarão”, explica.
Segundo dados do Ministério da Saúde, até 23 de março deste ano de 2019, foram registrados 255 casos de influenza em todo o país, com 55 óbitos, sendo o subtipo predominante no país a influenza A H1N1, com 162 casos e 41 óbitos. Neste ano, a vacina trivalente disponibilizada pelo Sistema Único de Saúde (SUS) teve uma mudança, passando a proteger contra os três subtipos do vírus da gripe que mais circulam no país: H1N1, o H3N2 e a influenza do tipo B.
A imunização é voltada para crianças entre 6 meses e 5 anos, 11 meses e 29 dias; maiores de 60 anos, idosos, gestantes e mulheres que tiveram filhos nos últimos 45 dias, trabalhadores de saúde, professores da rede pública e privada, pessoas portadoras de doenças crônicas, adolescentes de 12 a 21 anos de idade em medidas socioeducativas, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional.
A escolha dos grupos que receberão a vacina segue recomendação da Organização Mundial de Saúde (OMS). Essa definição também é baseada em estudos epidemiológicos e no comportamento das infecções respiratórias, que têm como principal agente os vírus da gripe
Para a subsecretária de Atenção Básica, Maria Auxiliadora Rodrigues, a adesão da população na campanha é essencial. “Temos vacinas disponíveis para todos e é de extrema importância que a gente realize uma cobertura vacinal ampla na cidade. Vivemos um momento em que as medidas preventivas são fundamentais e a gripe pode parecer simples mas pode evoluir gravemente, principalmente para os grupos mais vulneráveis. A imunização reduz o número de internações, complicações e mortes em decorrência de infecções causadas pelos vírus da gripe, portanto é fundamental que as pessoas que fazem parte dos grupos recebam a dose.”, avalia.
O indicado é tomar a vacina todo ano, pois a eficácia é de 6 meses a um ano. Para receber a dose, as pessoas que fazem parte dos grupos da campanha devem comparecer às unidades de saúde levando carteira de identidade e/ou outros comprovantes, como carteira de vacinação e cartão Sus.
Confira abaixo os pontos de vacinação:
Polo Sanitário Washington Luiz Lopes – Zé Garoto; USF Getúlio Vargas – Brasilândia; USF Juvenil Francisco Ribeiro – Engenho Pequeno; USF Armando Leão Ferreira – Morro do Castro; USF Madre Tereza de Calcutá – Estrela do Norte; UBS Haroldo Pereira Nunes – Porto Novo; USF Bocayuva Cunha – Gradim; UBS Robert Koch – Porto da Madama; USF Wally Figueira da Silva – Rocha; USF Barbosa Lima Sobrinho – Porto da Pedra; USF Bento da Cruz – Porto Novo; USF Ana Nery – Gradim; Clínica Municipal Gonçalense do Barro Vermelho; USF Luiz Carlos Prestes – Santa Catarina;
Polo Sanitário Paulo Marcos Rangel – Porto do Rosa; USF Alberto Farah – Mutuapira; USF Mahatma Gandhi – Jardim Califórnia; USF Alexander Fleming – Boaçu; USF Carlos Chagas – Fazenda dos Mineiros; USF Neuza Goulart Brizola – Palmeiras; USF Davi Capistrano Filho – Recanto das Acácias; USF Nova Cidade; USF Itaúna; USF Porto do Rosa; USF Albert Sabin – Itaoca; USF Jair Abrantes – Boa Vista; USF Mutuá; USF Mutuaguaçu; USF Leoncio Correa – Fazenda dos Mineiros;
Polo Sanitário Hélio Cruz – Alcântara; USF Irmã Dulce – Trindade; USF Tancredo Neves – Luiz Caçador; USF Bandeirantes; USF Oswaldo Cruz – Amendoeira; USF Adolfo Lutz – Pacheco; Clínica Municipal Gonçalense – Mutondo; USF Josyandra Mesquita – Colubandê; PAM Coelho;
Polo Sanitário Rio do Ouro; UBS Santa Izabel; UBS Doutel de Andrade – Maria Paula; UBS Hiparco Ferreira – Engenho do Roçado; USF Manoel de Abreu – Eliane; USF Badger Silveira – Tribobó; Clínica Dr Zerbini – Arsenal; USF Luiza de Marilac – Novo México; USF Marechal Cândido Rondon – Colubandê; USF Emílio Ribas – Barracão; USF Almerinda; USF José Avelino – Tribobó; USF Vila Candoza; USF Flávio Henrique Brito – Jóquei; USF José Jorge Cortes Freitas – Itaitindiba; USF Quinta Dom Ricardo – Santa Izabel; USF Marileia Cardoso – Jóquei;
Polo Sanitário Jorge Teixeira de Lima – Jardim Catarina; UBS João Goulart – Jardim Catarina; USF Jardim Catarina; USF Roberto Silveira – Bom Retiro; USF Santa Luzia; USF Largo da Ideia; Clínica da Família Marambaia; USF Floriano Barbosa – Jardim Catarina; USF Juarez Antunes – Laranjal; USF Luiz Paulo Guimarães – Laranjal; USF Aníbal Porto – Monjolos; USF Ary Teixeira – Bom Retiro; USF Louis Pasteur – Guaxindiba; USF Geremias Mattos Fontes – Bom Retiro; USF Elza Maria Borges – Santa Luzia; USF Agenor José da Silva – Jardim Catarina; USF Apolo III; PAM Neves.

200 mil litros de combustível adulterado são apreendidos pela PRF em Magé

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu no último sábado (20) 200 mil litros de gasolina e de álcool adulterados em quatro carretas na BR-116, em Magé. O combustível seria vendido em postos de São Gonçalo, Niterói e da Baixada Fluminense.

Os agentes suspeitaram de um dos motoristas abordados e perceberam que as notas fiscais eram adulteradas. Os policiais abordaram outras três carretas, constatando o mesmo quadro.

As carretas foram apreendidas e levadas para a Unidade Operacional da PRF, no posto em Bongaba. A análise dos combustíveis será feita pela Secretaria Estadual de Fazenda.

 

Shopping São Gonçalo recebe feirão da casa própria

O São Gonçalo Shopping vai receber, pela primeira vez, nesta sexta-feira (12), sábado (13) e domingo (14) a Feira Imobiliária do Centro Leste Fluminense, organizada pela empresa SD Brasil Montagem e Eventos. Durante os três dias, que começam hoje e encerra no domingo, os clientes vão contar com ofertas imperdíveis de mais de 15 mil imóveis entre novos e usados em condições especiais para realizar o sonho da casa própria.

Atendendo os mais variados perfis, o evento terá apoio da Caixa Econômica que estará presente com um estande para atendimento ao público. Lá, será possível realizar simulações de financiamento habitacional e operações que facilitam a compra, como Construcard, Crédito Imóvel Próprio, além de seguros e consórcios.

Os imóveis Caixa estarão disponíveis para o público em geral, como uma excelente oportunidade para adquirir a casa própria com preços e condições especiais. Além da Caixa Econômica, também estarão presentes no feirão outras três imobiliárias, como a Brasil Broker, e cerca de 15 construtoras que vão oferecer várias opções de imóveis em toda a região, entre elas a MRV, Tenda, Curi, Via Sul e Direcional. “Estamos muito felizes em trazer o Feirão da Casa Própria para o nosso shopping. É uma excelente oportunidade para os nossos clientes que desejam adquirir o imóvel dos sonhos com condições e ofertas especiais” comenta Emily Franca, coordenadora de Marketing do São Gonçalo Shopping.

Para Sérgio Dias, sócio da SD Brasil, empresa que organiza o evento, os três dias de feirão devem atrair cerca de 10 mil pessoas. Dessas, aproximadamente 50% devem já sair com seus contratos de compra assinados. “Temos uma estrutura pronta para permitir que os interessados já saiam com o negócio fechado. Esse final de semana é a grande chance para quem quer garantir o imóvel próprio. Estamos contando com as maiores construtoras da região e temos imóveis na planta e prontos para morar”, disse Sérgio.

Vale destacar que os imóveis terão negociação aberta entre vendedor e comprador, inclusive em relação a valor de entrada. O feirão acontece até às 16h de domingo no piso G3.