Parque da Caixa D’Água ganhará revitalização e demarcação de trilhas

Em parceria com a Secretaria de Meio Ambiente, a Secretaria de Cultura e Turismo fará a revitalização do Parque Ecológico da Caixa D’Água com recursos oriundos do governo federal. O projeto, que está sendo elaborado, foi discutido entre os secretários das pastas, Guilber Amaral (Meio Ambiente), Carmen Motta (Cultura e Turismo), e o prefeito José Luiz Mandiocão, na manhã da última terça-feira (30). A intenção, dentre outras ações, é colocar mais brinquedos, aparelhos de ginástica para a terceira idade, refazer a rampa de acessibilidade, demarcar e valorizar as trilhas ao redor do parque, fomentando assim o turismo.

A desportista, trilheira e corredora de montanhas, Drica Rosa, moradora de Rio Bonito e conhecedora da região do parque, onde treina com frequência, se colocou à disposição para ajudar dando ideias de como fomentar o ecoturismo no local. “O parque precisa de placas indicativas e outras reformas simples, aqui tem muito potencial, pois é um parque natural no Centro da cidade. As pessoas que vem aqui treinar comigo, ficam deslumbradas quando conhecem”, disse Drica.

Para a secretária de Cultura e Turismo, Carmen Motta, a intenção é valorizar as belezas que o espaço já possui. “Um espaço assim, dentro da cidade, com essa mata nativa, não é fácil encontrar, por isso vamos revitalizar o parque e assim conquistar turistas para fomentar a economia da cidade”.

O prefeito José Luiz Mandiocão andou pelo parque na manhã de hoje, deu ideias para o projeto e se mostrou bastante confiante com a reforma do local. “Estamos no meio de uma pandemia, mas não deixamos de trabalhar firme para transformar a cidade para os rio-bonitenses e para quem quiser nos visitar. Esse local (o Parque da Caixa D’Água) tem um grande potencial”, avaliou o prefeito.